Texto
Lembrará de mim pelo eterno!
Alguns são capazes se perguntar por vezes o quão será sua longevidade. A vida ─ uma dádiva divina ─ concedida aos homens em busca da continuidade, ao meu ver. De acordo com alguns pensadores, baseados em suas mentes evoluídas, este presente não passa de uma propriedade que caracteriza os organismos cuja existência evolui do nascimento até a morte. Somos então uma demonstração de que nada eterno? Nossa existência tem fim. A carne é consumida, o carbono é degradado e ao fim da noite, não há mais seu ser. É atormentador imaginar o quão insignificante parece ser. A história irá te esquecer. Nós perdemos entes amados a cada segundo que se passa. E não importa o quanto os amamos, ao longo daquilo que define como "vida", os esquecerá. "A história irá te esquecer", ouso repetir em alto e bom som.

─ New Orleans - Ambientação

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

─ New Orleans - Ambientação

Mensagem por The Voodoo Doll em Dom Maio 22, 2016 10:52 pm

welcome to new orleans!
New Orleans (ou Nova Orleans), localizada no estado da Lousiana, é uma cidade surpreendente, tanto pela arquitetura antiga como pelas histórias impressionantes. A cidade recebe o título de "cidade mais assombrada", o qual se deve ao fato de as pessoas acreditarem que espíritos e fantasmas habitam a região do French Quarter, um dos bairros mais antigos. Suas casas e estabelecimentos comerciais mantêm a arquitetura da época da colonização, em estilo Francês e Espanhol. Toda construção no French Quarter tem uma história de fantasma ou até mesmo um habitante fantasma. Uma das histórias mais famosas do French Quarter é de Julie, uma jovem de origem Crioula (mistura entre americanos, franceses e africanos), que se apaixonou por um homem francês. Os fortes preconceitos raciais da época não permitiam o casamento entre eles. Para ter uma prova desse amor, e provar que ela poderia enfrentar o preconceito caso se unissem, ele pediu a ela que passasse uma noite nua no telhado da casa onde ela morava numa noite de inverno. O homem não esperava que ela aceitasse a oferta mas, horas mais tarde naquela mesma noite chuvosa, ele a encontrou morta no telhado congelada pelo frio. E assim, desde 1840, nas noites de frio e chuva de dezembro, as pessoas acreditam ver o fantasma de Julie no telhado da sua casa a espera do seu amado. Outro caso famoso é de uma família Crioula que, mesmo depois da abolição dos escravos ainda mantinha alguns em sua residência. Eles eram muito mal tratados. Um dia a casa pegou fogo e os escravos estavam acorrentados na casa. Os donos fugiram e os deixaram lá, para morrerem carbonizados. Depois desse incidente, pessoas que passam pela casa à noite dizem ouvir os gemidos e as correntes dos escravos que morreram na casa. Os inúmeros cemitérios e a prática do Voodoo também contribuem para a imagem macabra que a cidade tem. Criada pelos escravos, a religião do Voodoo tinha como figura principal Marie Laveau, considerada a rainha do Voodoo em New Orleans. Ela era muito respeitada até pelas pessoas mais poderosas da época. A magia continua também na literatura. Uma das moradoras mais notórias da cidade é Anne Rice, escritora famosa de contos sobre bruxas e vampiros. Uma de suas obras mais conhecidas é "Entrevista com o Vampiro", que virou filme cuja história se passa em New Orleans. É por todos esses motivos e seu cenário característico que New Orleans oferece até mesmo "ghost tours" por suas ruas e cemitérios.

louis amstrong park
Localizado na margem norte do French Quarter, o Bairro Francês de Nova Orleans, este parque charmoso oferece um ótimo espaço onde relaxar num dia de calor e fazer um passeio, longe do agito das ruas de Nova Orleans. Como o nome sugere, o parque é dedicado ao cidadão mais ilustre da cidade, o músico Louis Armstrong, e lá você vai encontrar uma estátua dele, e também belas fontes e o teatro Mahalla Jackson.

st. loius cathedral

St. Louis Cathedral: Praticamente às margens do Rio Mississippi, a Cadetral de St Louis é amais bela igreja de Nova Orleans, de arquitura que mistura vários estilos: são colunas romanas, torres francesas e fachada americana. Pintada toda em branco, a igreja salta aos olhos, principalmente em contraste com os prédios da área onde se encontra, que são todos cheios de cores. A Catedral de St. Louis tem aos seus fundos um lindo jardim com uma estátua de Nossa Senhora de braços abertos, recebendo quem chega até aquela parte da cidade vindo da direção norte. Sem dúvidas a parte mais bonita da catedral é a que fica de frente para a Jackson Square, a principal praça do centro antigo.

jackson square
Esta praça fica no coração do Bairro Francês de Nova Orleans, o French Quarter. Além de ter jardins super bem cuidados, ela é rodeada de prédios de arquitetura francesa. Na Jackson Square você vai, por alguns instantes, se sentir em outro país, e não nos Estados Unidos. Isto porque o clima da praça, e a arquitetura dos prédios ao redor, remetem a cidades como Paris e Madrid, e o visual é totalmente europeu, nada do que se esperaria de uma grande cidade americana. No lado direito da praça (se você tem a catedral às suas costas), encontram-se várias lojas chiques, e do outro lado, restaurantes. A estátua no centro da praça é do General Andrew Jackson (daí o nome da praça), um dos presidentes dos Estados Unidos e responsável pela vitória da confedereção contra os britânicos na Batalha de Nova Orleans, em 1815. Um dos melhores pontos turisticos de Nova Orleans!
Washington Artillery Park. Atravessando a avenida principal que separa a Jackson Square do rio Mississippi, você chega a Washington Atillery Park, uma praça pequena que tem exibição alguns canhões de artilheria. Por ficar no alto, o mais interessante da praça é paisagem que se tem de lá, da Jackson Square, da Catedral e do rio logo de frente.

ursuline convent
O Convento das Freiras Ursulinas é um dos prédios mais antigos de Nova Orleans, e faz parte de do registro de lugares históricos dos Estados Unidos. O convento é composto de um prédio construído em 1733 para abrigar as freiras que vieram da França para viver em Nova Orleans e da igreja do convento. O interior da estrutura é rico em detalhes monumentos históricos, com diversas peças que contam a história do movimento católico em Nova Orleans. Dá até para ver os registros de casamento dos moradores da cidade, que até o século XX ainda eram escritos em francês! Não deixe de conferir o altar da igreja, que tem cores tão vivas e é tão elaborado que dá para pensar que se está presenciando uma verdadeira cena celestial.A entrada do Ursuline Convent custa 5 dólares, e a atração fica próxima de outros pontos turísticos de Nova Orleans, como o French Market.

french market
Este mercado, encontrado entre a Ducant Street e o Rio Mississippi, está no mesmo lugar desde 1791 e é um dos principais passeios em Nova Orleans. O French Market tem várias lojas, sendo separado em duas partes. A primeira, tem o famoso Cafe du Mond, o primeiro café francês dos Estados Unidos, e também a maiorias das lojas que vendem produtos alimentícios e locais. Já a segunda parte tem o Flea Market, ou Mercado de Pulgas, onde você encontra antiquidades e produtos de segunda mão à venda. O mercado tem uma pracinha super charmosa, onde dá para sentar e comer um lanche e se refrescar perto da fonte.

moonwalk
A Moonwalk é a passarela construída ao longo da margem do rio Mississippi. Seja dia ou noite, o passeio na Moonwalk vale a pena, já de lá se vêem ótimas paisagens do rio e da cidade, passando por várias atrações famosas, como a cervejaria JAX (um palácio espetacular), o ponto de partida dos cruzeiros do jazz e o Audubon Aquarium of the Americas, o aquário de Nova Orleans. Muitas vezes você encontrará músicos ao longo da Moonwalk, em especial saxofonistas, serenando as pessoas com o jazz, o que torna o passeio ainda mais especial. Se possível, comece a caminhada no início da passarela, que fica próximo do Mercado Francês. Assim você passa por todos os pontos de interesse e termina na Canal Street, a principal avenida de Nova Orleans, que separa o bairro francês do centro moderno da cidade.

canal street
Diferentemente do bairro francês, que é dominado por prédios baixos, a Canal Street é a grande avenida de Nova Orleans,com prédios altos coloridos, de diversos estilos arquitetônicos, e pode ser comparada com avenidas famosas de cidades europeias, como a Champs Elysees, de Paris. A rua separa a parte mais antiga da cidade de Downtown, o centro moderno de Nova Orleans, onde ficam algumas estruturas conhecidas como o Superdome, a enorme arena de esportes da cidade. A Canal Street tem bares, restaurantes, hotéis, cassinos, lojas, boates, shopping centers e tudo mais que puder imaginar (ou precisar). A melhor pedida é sair sem destino caminhando por este que é um dos melhores pontos turísticos de Nova Orleans, admirando a bela arquitetura, até encontrar um lugar para sentar e comer algo, ou ouvir uma boa música.

bourbon street
A Bourbon Street é a rua que representa tudo que o bairro francês é: bares, música e festa sem parar. É lá que fica a maioria dos bares do bairro boêmio de Nova Orleans, e a farra por nunca tem hora para acabar, já que muitos dos bares ficam abertos 24 horas por dia! Uma atividade popular é fazer o famoso bar hopping, que é sair pulando de bar em bar e conhecendo todos os estabelecimentos (e provando bebidas diferentes no processo). Existem excursões organizadas que levam os turistas aos principais bares para provar os melhores coquetéis da cidade.



The Entities
avatar
Mensagens :
38

Data de inscrição :
24/12/2013

The Entities

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum